ArtigosRoadie News

ANIVERSARIANTES DA SEMANA (08-14 de abril de 2018)

Domingo, 08 de abril de 2018

JUDAS PRIEST – Sin After Sin [1977]

Terceiro álbum de estúdio da lenda do metal britânico, Sin After Sin é um marco do heavy metal, presença frequente nas listas de melhores de todos os tempos, e provavelmente, é o disco do JUDAS PRIEST mais conhecido pelos fãs do SLAYER. Sin After Sin chegou aos 41 anos.

RAINBOW – Long Live Rock ‘n’ Roll [1978]

Terceiro álbum de estúdio do RAINBOW, e o último disco de estúdio da banda ao lado do vocalista Ronnie James Dio (falecido em 2010). Clássico de ponta a ponta, o álbum conseguiu chegar apenas a 7ª posição na UK Albums Charts no ano do lançamento. Long Live Rock ‘n’ Roll chegou aos 40 anos.

Segunda-feira, 09 de abril de 2018

PUNGENT STENCH – For God Your Soul… For Me Your Flesh [1990]

Considerado um dos principais nomes do metal extremo austríaco de todos os tempos, o PUNGENT STENCH chegava ao seu primeiro álbum em 1990, imediatamente alçado ao nível de clássico do extremismo. For God Your Soul… For Me Your Flesh chegou aos 28 anos.

Terça-feira, 10 de abril de 2018

DARK ANGEL – Act III [1990]

Como o título do álbum já mostrava, este é o terceiro disco completo de estúdio do DEATH ANGEL, um dos mais célebres nomes do suntuoso thrash metal da Bay Area.  Act III sucedeu os bem sucedidos The Ultra-Violence (1987) e Frolic Through The Park (1988), e chegou aos 28 anos.

Quarta-feira, 11 de abril de 2018

WHITESNAKE – Come an’ Get It [1981]

O quarto álbum completo da banda capitaneada pelo louvado vocalista David Coverdale fez bonito no ano de seu lançamento, chegando a terceira posição nos charts finlandeses, e ao segundo lugar nas paradas do Reino Unido. Come an’ Get It chegou aos 37 anos.

IRON MAIDEN – Seventh Son of a Seventh Son [1988]

Embalado por uma sequência de álbuns que colocou a banda no topo do cenário mundial do heavy metal, os ingleses do IRON MAIDEN chegaram ao seu sétimo disco completo de estúdio em 1988 forjando mais um clássico atemporal. Seventh Son of a Seventh Son chegou aos 30 anos.

CANNIBAL CORPSE – The Bleeding [1994]

Talvez o mais reconhecido dos nomes do death metal, o CANNIBAL CORPSE já desfrutava de um nome infame em 1994, e com seu quarto álbum (o último com o vocalista Chris Barnes), conseguiu levar ainda mais longe a sua desgraça sonora. The Bleeding chegou aos 24 anos.

Sexta-feira, 13 de abril de 2018

ACHERON – Rites of the Black Mass [1994]

O poderoso trio norte-americano ACHERON já dispunha de uma boa reputação entre os fãs de death/black metal por conta de suas demos, mas foi com este debut que eles definitivamente marcaram seu lugar entre os grandes do estilo. Rites of the Black Mass chegou aos 26 anos.

ASPHYX – The Rack [1991]

O vocalista holandês Martin Van Drunen já era conhecido dos fãs de metal extremo pelos históricos dois primeiros álbuns do PESTILENCE, mas é inegável que foi no ASPHYX que ele encontrou seu auge. The Rack é o álbum de estreia do ASPHYX, e chega aos 27 anos.

Sábado, 14 de abril de 2018

INCUBUS – Serpent Temptation [1988]

Sim, haviam muitas opções clássicas para fechar a lista desta semana, mas certamente o fã de death metal vai gostar de ver este clássico cult sendo lembrado. Debut do INCUBUS (que mais tarde mudaria o nome para OPPROBRIUM), Serpent Temptation chegou aos 30 anos.

Recomendamos Para Você

Close