Roadie News

Geddy Lee: “Sinto falta de tocar com o RUSH”

O RUSH encerrou sua turnê de 40º aniversário em 1º de agosto de 2015, no Fórum em Los Angeles, marcando o 25º show da banda no local, e trazendo sua turnê final para um encerramento triunfante. Perguntado pelo ‘The Guardian’ se na época, o baixista / vocalista Geddy Lee já sabia disso, ele disse: “Não 100 por cento. Neil [Peart, bateria] foi bem inflexível, e ele tocou como se fosse a final. E é por isso que ele abandonou seu posto na bateria, saiu e nos deu um abraço no palco, algo que ele jurou que nunca faria. Eu acho que eu estava um pouco otimista. Mas não. Acho que Alex [Lifeson, guitarra] aceitou melhor como o fim. Eu pensei que nós realmente detonamos naquela noite, mas é difícil dizer, porque ficou muito emocionante nos últimos 20 minutos. Aquela foi a primeira vez que eu me engasguei com o microfone. Então eu acho que uma parte de mim sabia”.

“Eu não sinto falta de viajar com o RUSH”, continuou Geddy. “Eu sinto falta de estar no palco com esses caras, porque foi uma honra singular para mim. Tenho certeza que tocarei ao vivo novamente um dia, mas nunca substituirá a intensidade das três horas dos shows do RUSH me causavam. Algo que me desafiou ao meu máximo, e isso é raro nesta vida”.

O RUSH esteve completamente inativo desde que completou a turnê R40 Live, três anos atrás. Peart lutou contra uma enorme dor física durante a maior parte da jornada, incluindo uma infecção no pé que fez com que agonizasse até ele caminhar.

Há alguns anos, Lifeson disse à ‘Rolling Stone’ que ele recebe injeções para a artrite psoriática. Ele foi internado anteriormente por anemia por sangramento de úlceras e sofreu problemas respiratórios.

 

Edições avulsas, assinatura física e digital.

Conheça a nossa Roadie Crew Shop – acesse https://roadiecrew.com.br/roadie-shop30

Recomendamos Para Você

Close